Oportunidades, Sustentabilidade

Sustentabilidade passa pelo plástico: o que sua empresa pode fazer?

A indústria do plástico vem trabalhando intensamente para se adequar às novas demandas de consumo da sociedade. E um dos desafios das empresas do setor atualmente é saber, justamente, como incorporar a sustentabilidade no dia a dia dos negócios.

Durante muito tempo, acreditou-se que esse conceito custava caro, ou que era apenas para grandes organizações. No entanto, hoje é sabido que as práticas sustentáveis estão totalmente ligadas a um padrão de qualidade e atributos necessários para a operação das empresas. Justamente por isso, a inclusão de tecnologias de ponta nos meios de produção, a otimização de processos, o implemento de inteligência no mapeamento do ciclo de vida dos produtos, o descarte adequado e a coleta seletiva de resíduos, entre outros mecanismos, contribuem diretamente para promover a sustentabilidade de forma integrada.

O comprometimento da indústria do plástico com a sustentabilidade é fundamental

“Promover a sustentabilidade é um dever de todos, inclusive da indústria do plástico. Para que isso ocorra, a fabricação de produtos de qualidade e a preocupação ambiental que envolve os plásticos, inclusive o que devemos fazer com eles após o consumo, é a grande questão”, pontua Miguel Bahiense, presidente da Plastivida.

O especialista destaca, ainda, que “os plásticos são 100% recicláveis e podem ser utilizados em inúmeras ações e produtos, porém, no final de sua vida útil, eles devem ser destinados corretamente”, completa.

Na sociedade atual, não é demais afirmar que a empresa que trabalha dentro dos moldes da sustentabilidade busca atuar com transparência, já que a cadeia produtiva tem atuado em consonância com as exigências estabelecidas pela população em geral. Nesse sentido, a Plastivida oferece um case que é explicado por Bahiense.

“Temos como prioridade promover ações responsáveis para que a sociedade acompanhe e ajude nesse momento de transição de uma economia linear para uma circular, na qual seremos mais eficientes e eficazes na recuperação e no desenvolvimento de cadeias de materiais plásticos recicláveis, obtendo energia, outros produtos, desenvolvimento social, ambiental e econômico”, destaca.

Dicas para incluir o conceito de sustentabilidade em seu negócio

Na indústria do plástico, é possível incluir o conceito de sustentabilidade a partir de diversas ações, entre elas:

1. Adotando uma gestão voltada à ecoeficiência

Há um campo bastante abrangente em termos de ecoeficiência para a indústria do plástico – ou seja, no desenvolvimento de atividades produtivas com o uso mais eficiente de recursos, gerando uma economia no uso de matérias-primas e de insumos.

2. Analisando a pegada ecológica e o ciclo de vida de seus produtos

Fazer a mensuração e avaliação da pegada ecológica daquilo que se produz também é um caminho para adotar a sustentabilidade. Com isso, conhece-se o impacto, rastro ou a consequência gerada no meio ambiente a partir da fabricação de um produto.

E para fazer essa mensuração, o principal recurso é a Análise de Ciclo de Vida (ACV), que possibilita que a empresa avalie o impacto ambiental total de um produto em todas as suas etapas produtivas, desde a extração de matérias-primas até a gestão de resíduos no pós-consumo.

3. Desenvolvendo produtos a partir do ecodesign

A adoção de estratégias de ecodesign, ou seja, a orientação ecológica ainda na etapa de seu desenho, é uma das grandes tendências da indústria plástica em termos de sustentabilidade.

Com isso, os produtos são idealizados objetivando o uso mais consciente e intensivo de recursos naturais, e/ou planejando-se um descarte ou reúso que gere menos impacto ambiental.

E então, pronto para adotar princípios de sustentabilidade em sua empresa? O que você acha da sustentabilidade aplicada à indústria do plástico? Deixe sua mensagem nos comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *