Mundo do Plastico faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

reciclagem-plastico

Oportunidades tecnológicas sustentáveis para a indústria do plástico

A sustentabilidade ainda é um dos principais desafios da indústria do plástico. No entanto, a tecnologia traz uma grande oportunidade para que haja um melhor aproveitamento de resíduos e sua rastreabilidade.

O tema foi abordado na Plástico Brasil 2019, durante a palestra “Demanda tecnológica para plásticos mais sustentáveis”, apresentada no Parque de Ideias, espaço da feira com palestras gratuitas de temas pertinentes ao setor.

Marilia Gabriela dos Santos, consultora de sustentabilidade da TriCiclos abriu a programação mostrando oportunidades para a indústria do plástico. Segundo dados apresentados pela especialista, cerca de 550 mil toneladas de plástico são recicladas. “No entanto, não existem dados consistentes sobre a rastreabilidade e reciclagem do plástico”, explica.

Mas há uma alternativa para que a indústria possa reverter a situação. “A tecnologia ajuda a alavancar a reciclagem a rastreabilidade e o cumprimento das metas globais de conteúdo nas embalagens”, ela completa. Para isso, a economia circular seria uma ótima alternativa.

Cadeia de reciclagem tem demanda tecnológica

Durante a palestra, a consultora mostrou que há oportunidades de reciclagem em todos os elos da cadeia: descarte de lixo, cooperativas, recicladores, transformadores e embalagens e indústria de bens de consumo.

Descarte de lixo: Marilia Gabriela explica que o Brasil pode se inspirar em alternativas que já estão sendo realizadas no exterior. Como em Estocolmo, que criou uma rede subterrânea de descarte, para que o plástico seja enviado diretamente ao posto de coleta mais próximo da região. “Isso diminui o custo logístico – um dos grandes problemas aqui no Brasil”, comenta.

Cooperativas: “Encaminhar esse volume de recicláveis às cooperativas cumpre também um importante papel social”, a especialista explica.

Recicladores: “Com máquinas capazes de separar esses materiais, consequentemente o volume de reciclagem aumenta”, diz. Para ela, tecnologias que auxiliam na separação de materiais, em um tamanho compatível a pequenas metragens, facilitaria o trabalho dos recicladores – que poderiam ter uma separação mais eficiente de todo o material.

Transformadores de embalagem: A consultora comenta que comprovar a pureza das embalagens de cosmético e alimentos é fundamental. “Uma oportunidade é a criação de tecnologia de comprovação de segurança alimentar, de forma a ajudar no cumprimento das normas legislativas e ainda cumprir um papel sustentável”, diz.

Indústria de bens de consumo: “Ter novas tecnologias de limpeza das embalagens reusadas é uma grande oportunidade”, comenta. Com essas alternativas, seria possível fomentar o avanço tecnológico da cadeia para alcançar metas de conteúdo reciclado.

O Parque de Ideias tem participação gratuita para os visitantes da feira, e acontece de 25 a 29 de março, no São Paulo Expo. Confira toda a programação e credencie-se!

plastico-brasil
Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar