Mundo do Plastico faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Maquinário moderno na indústria de mercado

Maquinário moderno na indústria do plástico: vantagens e custos

O plástico está presente em 80 a 85% de todos os produtos que consumimos diariamente. Portanto, aprimorar cada vez mais a tecnologia empregada para gerar as peças oriundas desse material é indispensável para a evolução. Assim, investir em um maquinário moderno é essencial para essa transformação.

Atualmente, existem diversas opções de injetoras altamente tecnológicas no mercado. Mas, para que você entenda melhor o seu funcionamento, listamos a seguir suas principais vantagens. Além disso, apontamos também os custos que envolvem a aquisição de maquinário moderno. Confira:

1 - Precisão

A modelagem por injeção do plástico é um método bastante preciso, capaz de fabricar qualquer tipo de peça plástica. Existem algumas restrições de design, mas os moldes permitem que o produto acabado seja muito preciso.

2 - Rapidez

O avanço da tecnologia permite que a injeção seja feita em uma velocidade cada vez mais acelerada dependendo apenas da complexidade do molde a ser injetado. Dessa forma, os ciclos de produção duram de 15 a 30 segundos apenas, no geral.

3 - Baixo custo operacional

As máquinas tecnológicas de injeção do plástico funcionam, geralmente, de forma automática. Ou seja, isso mantém as operações otimizadas e a produção em andamento, exigindo mínima supervisão.

4 - Sustentabilidade

O processo de injeção do plástico é sustentável, tendo em vista que apenas a quantidade necessária do material é utilizada para fabricar a peça. Além disso, possíveis excessos são moídos, reciclados e reutilizados no mesmo processo fabril ou revendidos para outras empresas.

5 - Qualidade de acabamento

Em boa parte das vezes, o processo de injeção do plástico não exige acabamento das peças, pois elas já saem do molde perfeitas, prontas para exercer suas funcionalidades.

Investimento e exigência de mercado

Na hora de optar pela compra de uma máquina injetora ou de outro equipamento altamente tecnológico, deve-se levar em consideração um fator-chave: a exigência do mercado atendido pela sua indústria. Ou seja, investir em qualidade é uma demanda presente no segmento.

Cristian Pavan, da Eurostec, cita o caso da indústria do plástico que foca em produtos de utilidade doméstica. “Os itens utilizados pelas empresas que compõem este nicho de mercado não são de elite, qualquer máquina consegue produzi-los com perfeição. Portanto, a indústria do plástico que atende a esse tipo de demanda não precisa se preocupar se a parede do balde está uniforme, pois trata-se de um produto bastante descartável”, destaca.

Pavan cita, ainda, o caso de outros setores, como a área hospitalar, por exemplo, para a qual a exigência de precisão nas peças é mais alta e, por isso, uma máquina melhor e mais precisa se justifica. Outro exemplo, desta vez trazido por Cassio Saltori, da Witmann Battenfeld do Brasil, diz respeito ao setor automobilístico. “Dentro de uma indústria automobilística, faz-se necessária uma tecnologia de ponta, agregando valores em periféricos e máquinas injetoras, para transformar a matéria-prima no produto ideal e de qualidade”, explica.

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar