Mundo do Plastico faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Home office e a segurança da informação na indústria

segurança da informação na indústria.jpg
Confira 5 dicas para a segurança da informação na indústria que podem diminuir a vulnerabilidade da empresa quanto a ataques cibernéticos.

O trabalho remoto na indústria não era tão adotado quanto é atualmente. A pandemia do novo coronavírus modificou as relações de trabalho e deu mais destaque ao necessário home office. Com isso, a preocupação com a segurança da informação na indústria aumentou exponencialmente. Afinal, só em 2020, o Brasil já foi vítima de mais de 3,4 bilhões de ataques cibernéticos.

Isso só nos mostra a necessidade de adotar práticas efetivas para a segurança da informação na indústria. Acompanhe.

Trabalho remoto e a segurança da informação na indústria

A adaptação à nova realidade foi necessária, mas pegou de surpresa muitas indústrias. Aquelas que não estavam no caminho da inovação digital certamente tiveram mais dificuldade para se adaptar. E esse é um grande perigo quando o assunto é segurança da informação na indústria.

Luan Prado, Head of Solutions da Populos, especialista em soluções de end-user computing, infraestrutura e cloud, destaca alguns exemplos de ameaças que expõe a segurança dos dados da indústria: VPN tradicional, computadores sem as devidas proteções e acesso a redes desconhecidas.

Para ele, existem algumas práticas para resolver a questão, como “garantir que os dispositivos e o meio de acesso sejam componentes neutros, assegurando a integridade das informações, sem esquecer, é claro, da experiência e produtividade dos funcionários”.

Dicas para segurança da informação na indústria em home office

Entendendo a necessidade geral de se adotar práticas para garantir a segurança da informação na indústria, apontamos a seguir 5 dicas que podem diminuir as chances de sua infraestrutura ser vítima de ataques cibernéticos.

Defina os dispositivos a serem utilizados

O gestor da indústria deve pensar, junto à equipe, qual computador ou outro dispositivo será utilizado no home office. Isso é importante, porque a escolha define os procedimentos de segurança que devem ser tomados. Será preciso ter cuidado com a rede de internet utilizada, por exemplo. O profissional também deverá ser alertado e treinado sobre o uso e atualização de softwares, como firewalls e antivírus.

Assim que o dispositivo voltar ao ambiente de trabalho, ele deverá ser novamente verificado.

Monitore o tráfego

A segurança da informação na indústria depende diretamente do monitoramento do tráfego dos dados. O trabalhador remoto pode acessar servidores desconhecidos ou baixar arquivos de fontes estranhas, o que aumenta a vulnerabilidade.

Por isso, utilizar e instalar programas específicos nos equipamentos dos funcionários para monitorar o tráfego é importante.

Luan Prado também faz a ressalva que a delimitação de um perímetro digital seguro não contempla somente ferramentas de acesso remoto, colaboração e proteção. Ele destaca: "devemos nos preocupar também com a análise proativa de toda a infraestrutura. Afinal, do que adianta toda a segurança, se não tivermos visibilidade do que está acontecendo? Uma boa ferramenta de análise é fundamental para garantirmos que as políticas e regras de segurança do negócio, estejam sendo exercidas, e principalmente, sendo eficazes”.

Utilize VPN

A VPN (Rede Privada Virtual) integra dispositivos remotos às redes corporativas de forma segura. É uma ferramenta imprescindível para garantir a segurança da informação na indústria. Ela permite o tráfego de dados de forma segura, de modo que o funcionário possa, remotamente, acessar a rede interna da empresa, com a segurança da criptografia em alguns casos.

Adote o armazenamento em nuvem

Salvar arquivos na nuvem é uma forma eficiente e segura de troca de arquivos digitais. O cloud computing, além de garantir a segurança da informação na indústria, prevenindo perda de dados, pode ser utilizada para restringir o acesso dos profissionais a certos arquivos. A tecnologia também é interessante para backups automáticos, o que também aumenta a segurança.

Conscientize funcionários, em especial quanto ao uso de dispositivos móveis

O fator humano é um dos principais motivos dos vazamentos de dados. A segurança da informação na indústria depende, assim, da conscientização de funcionários, especialmente em home office. Longe das dependências das empresas, eles podem “relaxar” em relação à boas práticas.

Isso é especialmente importante para dispositivos móveis, que demandam cuidados especiais. Para o caso de roubo ou extravio, é interessante adotar o backup de todo o dispositivo em nuvem, e o controle por MDM (Mobile Device Management).

Essas dicas para a segurança da informação na indústria podem diminuir a vulnerabilidade da empresa quanto a ataques cibernéticos. No entanto, os trabalhadores de home office e os presenciais devem estar cientes das boas práticas fundamentais para a cibersegurança.

Você já adota alguma dessas práticas em sua indústria? Conte para a gente sua experiência!

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar