Mundo do Plastico faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Treinamentos personalizados na indústria do plástico

Vantagens dos treinamentos personalizados na indústria do plástico

Os colaboradores exercem um papel fundamental na produtividade e na competitividade da indústria do plástico. Isso independentemente do cargo que ocupam. Portanto, investir em treinamentos personalizados é sinônimo de investir na melhoria contínua de tarefas e processos internos.

Como resultado, a equipe aprende a maximizar os recursos disponíveis, a gerenciar melhor os projetos e a inovar. Ou seja, desenvolvem capacidades cada vez mais importantes em um mercado altamente competitivo e volátil como o que estamos vivendo.

Além disso, investir em capital humano colabora para reduzir a rotatividade e a incidência de acidentes no chão de fábrica. Dessa forma, a empresa ainda ganha em redução de custos e em perdas decorrentes de demissões e afastamentos.

Será que o seu negócio poder crescer apostando em treinamentos personalizados? Confira!

Treinamentos personalizados: a importância da capacitação na indústria

Aumentar a produtividade sem elevar os custos é um objetivo constante na indústria. Para tanto, não basta substituir os equipamentos por outros mais modernos. Afinal, mesmo com a automação, são as pessoas que operam as máquinas, fazem a sua manutenção e traçam as estratégias de produção, logística, vendas etc.

Dessa forma, otimizar a produção e reduzir as despesas é uma tarefa que requer o investimento em treinamentos personalizados. "Investir em treinamentos melhora toda a cadeia produtiva na fábrica. Além disso, reduz riscos de acidentes, diminui sensivelmente os custos de fabricação e acaba aumentando a qualidade do produto final, traduzindo mais lucros para a empresa", complementa Marcio Urgeles, consultor técnico industrial da Union Industrial.

1. Redução de erros e falhas na produção

Para que o processo seja realizado corretamente, os profissionais precisam entender o que é certo ou errado nas etapas. Minimizar falhas e impedir erros, portanto, parte de conhecimentos sobre o uso do maquinário, equipamentos, processos burocráticos, entre outros.

Inclusive, não é incomum que os equipamentos sejam parados abruptamente justamente pelo seu uso incorreto. "O colaborador bem treinado tem consciência de como utilizar com segurança as máquinas e equipamentos que opera. Assim, evita acidentes e não coloca em risco os demais colegas de trabalho", explica Urgeles.

Dessa forma, contar com uma equipe bem treinada e procedimentos corretos e claros é essencial para atingir a excelência. E, sem capacitação, jamais será possível atingir um padrão ideal de execução na indústria do plástico.

2. Atualização sobre novas tecnologias

Com a chegada da Indústria 4.0, muito tem se falado sobre o uso de robôs e a automatização de tarefas. No entanto, este não é nem de perto um motivo para deixar os treinamentos personalizados de lado.

Se as pessoas não souberem as aplicações da tecnologia, ela jamais será usada de maneira correta. E, pior, a modernização da indústria se tornará uma atividade impossível, uma vez que os colaboradores não entenderão seu propósito.

Capacitar também colabora para atualizar os conhecimentos dentro do negócio. Portanto, mesmo com a tecnologia, é fundamental que todos entendam seus benefícios e desafios. Dessa forma, poderão utilizar as ferramentas de melhor maneira, otimizando a produção.

3. Criação de um padrão de trabalho

Por fim, uma indústria que não capacita ou não investe em treinamentos personalizados, conta com uma equipe em que cada indivíduo realiza as tarefas de uma maneira diferente. Com isso, as operações ficam sem padrão e é difícil de manter um nível de qualidade esperado em todos os processos. Além disso, o negócio corre o risco de que a ausência de determinada pessoa faça com que uma atividade importante fique parada.

Capacitar permite padronizar o que é feito na fábrica ou nos níveis gerenciais. Como resultado, novos colaboradores se adaptam mais rapidamente e a empresa não perde tempo ou dinheiro em casos em que um profissional importante esteja ausente.

Como aplicar um programa de treinamentos personalizados

Agora que você está convencido da importância dos treinamentos personalizados, é chegado o momento de entender como eles podem ser aplicados na indústria do plástico.

Os treinamentos personalizados são formulados considerando as necessidades específicas do negócio. Dessa forma, ele parte de um entendimento dos pontos fortes e fracos da empresa para, então, capacitar cada equipe de acordo com suas particularidades e rotina.

Em outras palavras, os treinamentos personalizados são direcionados à cada área, permitindo que sua aplicação se dê de forma prática e traga resultados.

"Para elaborar e implementar treinamentos são necessários dados e um estudo aprofundado da linha de produção, por meio do qual serão apontados erros e falhas sobre as formas de trabalho e o processo produtivo", explica Urgeles.

A partir daí, os treinamentos podem ser realizados de forma presencial ou on-line, trazendo situações práticas e relacionadas à rotina de cada profissional. Resultando, assim, em uma melhoria na produtividade e na maneira como os processos são executados.

A sua indústria já realizou algum treinamento personalizado? Como foi a experiência? Conte nos comentários!

PROFISSIONALIZAR A GESTÃO
Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar