Oportunidades

Plástico Brasil começa com perspectiva otimista e seminário sobre Indústria 4.0

Os avanços tecnológicos e as tendências globais que compõem a cadeia produtiva dos segmentos do plástico e da borracha marcaram presença no primeiro dia da Plástico Brasil.  Em sua primeira edição, o evento que reúne 400 marcas expositoras no São Paulo Expo e conta com 60 horas de conteúdo em eventos paralelos, foi oficialmente aberto nesta  segunda-feira, 20 de março.

Na cerimônia de abertura, autoridades políticas e representantes de entidades apoiadoras reforçaram a importância de iniciativas como a Plástico Brasil para as indústrias nacionais de transformação plástica ampliarem os negócios.

Com programação de conteúdo de alta qualidade técnica, ministrado por especialistas brasileiros e estrangeiros, autoridades e empresários, a feira apresentou ao longo dia o Seminário Internacional Rumo à Indústria 4.0, realizado pela ABIMAQ –-Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos e VDMA – Associação Alemã de Fabricantes de Máquinas. Na ocasião, os visitantes da Plástico Brasil, que atendem e atuam em diversos segmentos, puderam ter uma melhor compreensão sobre as novas aplicações e soluções práticas dentro do escopo da deste novo formato de indústria, além de saírem mais confiantes em relação às possibilidades que se abrem a partir da implementação de modelos de negócios baseados nos avanços tecnológicos da chamada 4ª revolução industrial.

SMED – Single Minute Exchange of Die – Troca Rápida de Moldes
Fiel à proposta de contribuir para a capacitação e o desenvolvimento tecnológico do setor, a Plástico Brasil apresentou nesta segunda-feira o espaço “SMED – Single Minute Exchange of Die – Troca Rápida de Moldes”, que tem como objetivo demonstrar para o público visitante a troca de moldes de uma máquina injetora – um dos processos que mais demandam parada de máquina dos transformadores de plástico e borracha – em menos de 10 minutos.  Logo nas primeiras apresentações, o desafio foi superado com uma troca em menos de 6 minutos.

Inédito no segmento de feiras no País, o SMED contará com apresentações todos os dias, em horários diversos, em parceria da Plástico Brasil com o SENAI e as empresas expositoras Romi, Stäubli, Berg Steel, Piovan e Previsão.  Este evento paralelo pode ser acompanhado até o último dia da feira.

Recicla Plástico Brasil
Fundamental para a preservação do meio ambiente e as empresas da indústria nacional de transformação de plástico, a reciclagem será abordada até sexta-feira, 24 de março, na feira por meio do Recicla Plástico Brasil, uma ação que tem o objetivo de disseminar a educação ambiental em torno da reciclagem do material e a sua reutilização. Aliás, a reciclagem e a sustentabilidade são tendências que vêm dominando as fábricas do mundo todo, com grande importância nos Estados Unidos e Europa, de acordo com especialista do segmento presentes na feira. O projeto mostra o ciclo de vida do plástico e como ele participa do dia a dia das pessoas.

Arena Técnica
O espaço dedicado aos visitantes que desejam conhecer de perto conceitos técnicos e práticos da indústria contou com uma programação especial nesta segunda-feira. Entre os palestrantes, destaque para a UNICAMP (Universidade Estadual de Campinas), o Instituto Mauá de Tecnologia, UFSCAR (Universidade Federal de São Carlos), Instituto de Energia e Ambiente da USP (Universidade de São Paulo).

A Plástico Brasil é uma iniciativa da ABIMAQ – Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos e da ABIQUIM – Associação Brasileira da Indústria Química, com organização e promoção da Informa Exhibitions, a Plástico Brasil segue a tendência mundial de feiras promovidas pelas entidades representativas, visando ao desenvolvimento do setor, melhoria das empresas e fomento dos negócios.

Para visitar, faça agora seu credenciamento gratuito neste link.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *